PESQUISA DE IMAGENS

 

Central de Downloads

Encontre em nossa área de downloads vários arquivos e PDF, PPT, WORD, entre outros. Todos os arquivos com relevância para sua pesquisa.

Sessão Retrô

Artigos que contam a históia da pneumologia.

TABAGISMO PASSIVO DO CIGARRO ELETRÔNICO AUMENTOU O RISCO DE SINTOMAS RESPIRATÓRIOS ENTRE OS JOVENS

Data de Publicação: 18/04/2022

TABAGISMO PASSIVO DO CIGARRO ELETRÔNICO AUMENTOU O RISCO DE SINTOMAS RESPIRATÓRIOS ENTRE OS JOVENS
A prevalência do uso de cigarros eletrônicos (vaping), principalmente com nicotina, aumentou de 11% para 25,4% entre os alunos do 12º ano nos EUA entre 2017 e 2019. Apesar da alta prevalência do uso de cigarros eletrônicos, pouco se sabe ainda sobre os efeitos à saúde da exposição passiva à nicotina do cigarro eletrônico.
 
Segundo estudo prospectivo realizado no Southern California Children Health Study, o tabagismo passivo ao cigarro eletrônico aumentou o “risco de sintomas de bronquite em 40% e falta de ar em 53%” entre adultos jovens.
 
Esses indivíduos que não fumam ou não usam os vaporizadores foram três vezes mais propensos a desenvolver sintomas de bronquite e duas vezes mais propensos a desenvolver chiado ou falta de ar.
 
Os resultados do estudo com 2.100 jovens adultos em escolas norte-americanas foram publicados no Thorax.
 
(MG)
 
FONTE: Slam T, Braymiller J, Eckel SP, et al. Thorax Epub ahead of print: [please include Day Month Year]. doi:10.1136/ thoraxjnl-2021-217041.


APOIO

 

Central de Downloads

Encontre em nossa área de downloads vários arquivos e PDF, PPT, WORD, entre outros. Todos os arquivos com relevância para sua pesquisa.

Sessão Retrô

Artigos que contam a históia da pneumologia.

SIGA-NOS